HEMOAM Hospital

O HEMOAM Hospital vai aumentar em até seis vezes a capacidade atual de assistência hematológica e oncohematológica do Amazonas, saiba mais.

Horário

Hemoam: Segunda a sábado, das 7h às 18h.
Maternidade Ana Braga: Temporariamente fechado.

Agende sua Doação

O AGENDAMENTO PELO SITE ESTÁ TEMPORARIAMENTE SUSPENSO. PARA AGENDAR SUA DOAÇÃO LIGUE PARA:
3655 0166 OU 984319920 (WHATSAPP)

Hemoam > Notícias

Comitê Transfusional realiza 3° edição da Oficina do Ato Transfusional


A oficina, que trata de todo o processo desde a captação de doadores até a transfusão de hemocomponentes, tem como objetivo aperfeiçoar os procedimentos transfusionais em todo o Amazonas, mantendo a segurança e qualidade no atendimento aos pacientes


PUBLICADO DIA: 27/11/2023 15:46 Última atualização: 05/03/2024 08:40:52 Legenda: Turma da 3ª oficina de qualificação/ Foto Leonardo Mota
Créditos: ASCOM/ HEMOAM

A Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (HEMOAM), por meio do Comitê Transfusional, realizou a 3ª oficina de qualificação do ato transfusional voltada para a capacitação de profissionais de saúde do interior do Estado.

Segundo a médica Ana Kedma, responsável pela agência transfusional do Hemoam e presidente do Comitê Transfusional do Hemoam, o objetivo da oficina é fazer uma sensibilização e capacitação dos profissionais que atuam na transfusão desde a coleta até o acompanhamento da transfusão em si.

 

Ana Kedman avalia apresentação dos alunos e tece comentários/ Foto Leonardo Mota

 

São enfermeiros e técnicos de Enfermagem que vão receber um treinamento sobre técnicas e procedimentos para reconhecer qualquer efeito adverso no recebimento de hemocomponentes. Como o HEMOAM é o hemocentro regulador, cabe a nós fazer a parte educativa para capacitar o profissional que está ali empenhando seu papel na transfusão”, diz Ana.

Para o diretor-técnico do Hemoam, Dr. Sérgio Albuquerque, o evento é importante para segurança transfusional do Estado por envolver profissionais de diversos municípios que puderam aprender e compartilhar suas experiências com colegas de profissão.

 

Sérgio Albuquerque finaliza o encontro parabenizando os envolvidos/ Foto Leonardo Mota

 

Espero que a gente tenha conectado esses profissionais com o Manual do Hemoam, guias nacionais e internacionais de doação, com o objetivo de o nosso Estado ter o melhor atendimento possível de transfusão sanguínea”, ressalta o diretor.

Guilherme Farias, acadêmico de Enfermagem da UEA do município de Parintins, faz parte do projeto de extensão “Acadêmicos do Vampirão”, que visa à integração do acadêmico com o HEMOAM, participou do curso o curso com o objetivo de ampliar seu conhecimento em hemoterapia e fala sobre a importância da realização da oficina para profissionais do interior.

 

Guilherme Farias apresenta sua atividade no evento e compartilha com os colegas sua realidade em Parintins/ Foto Leonardo Mota

 

Levando em consideração que Parintins é um grande polo da região Norte em diversos contextos, é importante aprimorar a saúde e hemoterapia no interior já que Parintins tem muitos doadores. Conhecimento nunca é demais e espero que das próximas vezes possam vir mais pessoas”, finaliza o estudante.

_________________________________________________

GALERIA

 






Paginação